Itens para a instalação de cubas e torneiras/misturadores

Atualizado: 8 de Fev de 2019




Após escolhermos a cuba e a torneira/misturador, devemos lembrar de outros itens necessários para que esse sistema funcione corretamente: o rabicho (quando necessário), a válvula de escoamento e o sifão.



Para que a água chegue até uma torneira de bancada, é necessário que exista uma ligação entre o ponto de água previsto na parede e o metal. Essa ligação se dá através de uma fina tubulação flexível conhecida como rabicho. Quando você opta por um misturador de bancada, são necessários dois pontos d’água na parede e consequentemente dois rabichos para a instalação.



Para a instalação de misturadores são necessários dois rabichos: um para água fria e outro para água quente. Imagem: Freepik

No entanto, se sua escolha for por torneiras ou misturadores de parede os rabichos não serão necessários, pois o metal se conectará diretamente ao(s) ponto(s) d’água na parede.


Torneiras ou misturadores de parede dispensam o uso de rabichos. Imagem: Freepik

Para que a água escoe da cuba para a tubulação de esgoto são necessários outros dois itens: a válvula de escoamento e o sifão. A válvula de escoamento permite a fixação entre a cuba e uma das extremidades do sifão, além de dar início ao processo de canalização da água. Enquanto isso, a outra extremidade do sifão se conecta ao ponto de esgoto na parede, conduzindo o líquido até a tubulação de esgoto. Vale lembrar que o sifão ainda possui um fecho hídrico que impede o retorno de gases e mal cheiro provenientes do encanamento.

O fecho hídrico impede o retorno de gases e odores pela tubulação.

Em posts futuros abordaremos com mais detalhes os diferentes tipos e materiais, apontando vantagens e desvantagens, de cada um dos itens: Rabichos, válvulas de escoamento e sifão. Acompanhe!


Redação: Márcia Su e Flávia Lima


Amamos o Wix.com!