Blog do Pró-Reforma

Pisos de madeira: como escolher, onde aplicar, como cuidar

Atualizado: Mar 26

Pisos de madeira são muito versáteis na decoração de um ambiente, pois combinam com diversos estilos arquitetônicos, como rústico, industrial, clean, escandinavo... São muitas as possibilidades relacionadas às cores e tonalidades da madeira, ao seu acabamento e ao tamanho e desenho das peças dispostas no piso.


Neste post, reunimos informações importantes para quem pensa em usar esse tipo de revestimento em sua obra. Você vai saber como escolher o piso de madeira ideal, quais os cuidados necessários para a manutenção do piso de madeira e quais os melhores ambientes para aplicá-lo.



Mas antes de continuar, é importante reforçar que no aplicativo gratuito Pró-Reforma você se inspira em fotos de projetos reais e o app especifica, quantifica e orça todos os produtos, serviços para que você tenha o piso que deseja sem desperdício! Teste o app e veja a diferença!


Por que optar por pisos de madeira?


Além de combinar com diversos estilos de decoração e estar sempre entre os pisos da moda, um revestimento de madeira é uma boa opção tanto para residências (nas salas e quartos), como para centros comerciais e escritórios.


Por ser um material natural, a madeira apresenta uma aparência única em cor, tonalidade e veios, o que traz ao ambiente um aspecto singular. Mesmo que você escolha um tipo de madeira que tenha visto em algum projeto, sempre haverá diferença entre as peças, dando uma aparência original ao seu piso.



A madeira é um material reconhecido por suas propriedades acústicas. Por isso, é usada em salas de teatros e concerto. É também famosa pela sua capacidade como isolante térmico, ou seja, demora para mudar sua temperatura ainda que o ambiente esteja muito frio ou muito quente, sendo uma boa opção para casas com crianças, que brincam muito no chão.





Outra vantagem é que a instalação dos pisos de madeira geralmente é rápida, fácil e faz pouca sujeira, além de ser um tipo de piso fácil de limpar. Destacamos também a durabilidade desse revestimento, que pode se conservar por dezenas de anos, se bem cuidado.




Os tipos de piso de madeira


Há muitas espécies de madeira utilizadas na fabricação de piso. Destacamos, entre outras, carvalho, ipê, jatobá, peroba, teca, itaúba, amêndola, amendoim, cumaru e sucupira. E uma variedade de modelos, como assoalho, taco, parquet, madeira de demolição, laminado, deck. Tem para todos os gostos e é muito provável que um deles se encaixe perfeitamente na sua obra.


Leia também: Tipos de piso de madeira: assoalhos, tacos e parquets


É importante ressaltar que esses modelos podem variar em tamanho, espessura e largura, e também na aplicação e fixação. Mas não se preocupe: o app Pró-Reforma te ajuda a não errar na hora de escolher e quantificar os produtos necessários na escolha do piso ideal. É gratuito e muito fácil de usar.



Cor de madeira: como escolher o tom ideal


De maneira geral, você pode refletir se a cor da madeira do piso irá contrastar ou convergir com os móveis do ambiente.


Os tons claros de madeira são mais macios, mais fáceis de marcar sob móveis pesados, por exemplo. São muito usados em decoração mais clean ou minimalista e em estilos como provençal e escandinavo.


Os pisos de madeira escura são mais duros e resistentes e podem dar a sensação de um ambiente menor. São muito usados em decorações com estilo industrial ou rústico.



Como limpar o piso de madeira


É importante proteger esse tipo de piso da umidade. Por isso, nunca molhe a madeira! A manutenção consiste em retirar a poeira com uma vassoura de cerdas macias e de tempos em tempos deve ser feita a aplicação de produtos específicos para manter o brilho.



Caso você esteja pensando em colocar um piso de madeira em uma construção térrea, é importante que a base seja bem impermeabilizada, para evitar que a umidade atinja o piso de baixo para cima.


O deck é o único tipo de piso de madeira adequado para ambientes externos, em que são mais expostos ao excesso de umidade e à incidência solar direta.


Outras dicas:

  • não coloque vasos de plantas diretamente sobre o piso;

  • proteja os pés dos móveis com feltro;

  • evite cadeiras de rodinhas;

  • coloque capachos nas entradas dos ambientes para que dificultem o espalhamento de areias que possam riscar a superfície da madeira.





Preciso retirar o piso existente para colocar um piso de madeira?


Certos pisos de madeira podem ser instalados sobre pisos existentes e, para isso, é importante consultar o fabricante. Mas não se preocupe, o aplicativo Pró-Reforma especifica para você o tipo ideal de piso para a sua necessidade. Se você quiser sobrepor um piso de madeira a um piso existente (para evitar obras de demolição), ele mostra as melhores opções!


E se o piso for colocado no térreo da casa ou edifício, já estão incluídos na simulação os materiais e serviços para impermeabilização.


Veja mais dicas sobre piso em nosso blog:


Boa obra!


Redação: Rebeca Waltenberg






Inspire-se!

E saiba como transformar

o sonho em realidade

Saiba tudo sobre reformas!
E fique por dentro das novidades da Pró-Reforma

Endereço

Rua Evaristo da Veiga 35, sala 1416

Centro. Rio de Janeiro - RJ

CEP 200031-040

logo pro reforma-06.png

Desenvolvido pela:

  • Preto Ícone Pinterest
  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone LinkedIn

Nos siga nas redes sociais!